domingo, 2 de junho de 2013

YOUSSEF AKIVA E SUAS FALSAS AFIRMAÇÕES ACERCA DO LIVRO DO LEVÍTICO



Tem sido nossa esperança que os poucos artigos que já publicamos expondo as mentiras de Yossef Akiva pudessem ajudar seus cegos seguidores e adoradores a abrirem seus olhos e enxergarem a VERDADE.

Mas a quantidade de comentários de gente que não vê nada de errado com as mentiras que temos apontado é tão grande que resolvemos tentar, mais uma vez, ainda que de modo bastante breve.

A mensagem que analisamos, parcialmente, aqui é: SEGREDOS DE LEVÌTICOS e pode ser vista por meio desse link aqui:


Akiva, ao que parece, está pregando em português nos Estados Unidos da América em uma igreja chamada “Life Point Church”.

Peço aos leitores que prestem muita atenção no que escrevemos e julguem — como é o dever de todo crente verdadeiro — com base na verdade apenas, independente de quem escreve ou sobre quem escreve, conforme o próprio Jesus nos ensinou:

João 7:24

Não julgueis segundo a aparência, e sim pela reta justiça.

1. Akiva afirma que o Livro de Levítico é um livro complexo. Não são todos? Afinal de contas trata-se da Palavra do Deus Todo Poderoso e seria um erro nos aproximar de qualquer porção achando que a mesma é moleza. Mas isso não é uma falsa afirmação da parte dele.

2. Akiva diz que o Levítico é um “ENMARANHADO”. O mínimo que se espera de um pregador é que conheça bem a Língua em que prega. A palavra certa é “EMARANHADO”. Isso também não é uma falsa afirmação.

3. Akiva afirma que o Levítico está cheio de códigos e senhas espirituais e deixa no ar, ”Quem pode desvendar tais senhas e códigos?”. De fato, não existem nem senhas nem códigos espirituais no Levítico. É um livro que fazia perfeito sentido para o povo de sua época. Pode ser um pouco estranho para nós, mas era perfeitamente claro para o povo para o qual foi originalmente escrito. Por isso estudamos as matérias relacionadas com a interpretação dos textos antigos, para nos ajudarem a entender o que Moisés disse a quase 3500 anos. Portanto não existe nenhum código secreto, nem senhas secretas que nos levem a necessitar o conhecimento especializado de alguém. Basta se empenhar em aprender, usando as ferramentas certas, dependendo da iluminação do Espírito Santo e tudo se esclarece, ou quase tudo. Essa afirmação de Akiva é um exagero, mas tem a intenção de criar certas expectativas nos ouvintes de que o pregador irá desvendar todos os segredos e senhas do Levítico. Como não podemos e nem devemos julgar a intenção de Akiva, vamos deixar esse assunto por aqui mesmo.

4. Akiva acusa alguns pregadores de dizer que a Lei está abolida, mas que esses pregadores estão errados. Continua dizendo que tudo na Bíblia é atual, não ultrapassado, tudo serve. Note bem: são duas afirmações distintas. É verdade que tudo na Bíblia serve para alguma coisa, algum ensino etc. — eu mesmo estou ensinando sobre a Vida de José como Tipo de Cristo nas reuniões de segunda feira e o Livro do Gênesis nas reuniões de quarta feira. Mas isso não tem nada com a realidade que a Lei da Antiga Aliança foi mesmo abolida. Aliás, não foi apenas a Lei que foi abolida, mas a própria Antiga Aliança foi abolida também. Veja e medite nos versos a seguir:

Romanos 10:4 —

Porque o fim da lei é Cristo, para justiça de todo aquele que crê.

Resta saber se o indivíduo crê?

Hebreus 7:12

Pois, quando se muda o sacerdócio, necessariamente há também mudança de lei.

O sacerdócio foi mudado do sacerdócio levítico para o sacerdócio de Melquisedeque, portanto, tornou-se obrigatória a mudança da lei.

Hebreus 10:1

Ora, visto que a lei tem sombra dos bens vindouros, não a imagem real das coisas, nunca jamais pode tornar perfeitos os ofertantes, com os mesmos sacrifícios que, ano após ano, perpetuamente, eles oferecem. 

Veja bem, aquelas coisas todas eram apenas sombras e não a realidade, mas nem por isso deixam de ter valor, podem não ter validade, mas continuam tendo valor.

Além desses versos recomendo uma leitura pausada de 2 Coríntios 3 onde Paulo compara a Antiga Aliança com a Nova Aliança. Para ajudar, ofereço abaixo uma tabela comparativa entre as duas alianças, logo depois do texto:

2 Coríntios 3:1—18 — Note o contraste entre a Antiga e a Nova Aliança:

1 Começamos, porventura, outra vez a recomendar-nos a nós mesmos? Ou temos necessidade, como alguns, de cartas de recomendação para vós outros ou de vós?

2 Vós sois a nossa carta, escrita em nosso coração, conhecida e lida por todos os homens,

3 estando já manifestos como carta de Cristo, produzida pelo nosso ministério, escrita não com tinta, mas pelo Espírito do Deus vivente, não em tábuas de pedra, mas em tábuas de carne, isto é, nos corações.

4  E é por intermédio de Cristo que temos tal confiança em Deus;

5  não que, por nós mesmos, sejamos capazes de pensar alguma coisa, como se partisse de nós; pelo contrário, a nossa suficiência vem de Deus,

6  o qual nos habilitou para sermos ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, mas o espírito vivifica.

7  E, se o ministério da morte, gravado com letras em pedras, se revestiu de glória, a ponto de os filhos de Israel não poderem fitar a face de Moisés, por causa da glória do seu rosto, ainda que desvanecente,

8  como não será de maior glória o ministério do Espírito!

9  Porque, se o ministério da condenação foi glória, em muito maior proporção será glorioso o ministério da justiça.

10  Porquanto, na verdade, o que, outrora, foi glorificado, neste respeito, já não resplandece, diante da atual sobreexcelente glória.

11 Porque, se o que se desvanecia teve sua glória, muito mais glória tem o que é permanente.

12 Tendo, pois, tal esperança, servimo-nos de muita ousadia no falar.

13 E não somos como Moisés, que punha véu sobre a face, para que os filhos de Israel não atentassem na terminação do que se desvanecia.

14 Mas os sentidos deles se embotaram. Pois até ao dia de hoje, quando fazem a leitura da antiga aliança, o mesmo véu permanece, não lhes sendo revelado que, em Cristo, é removido.

15 Mas até hoje, quando é lido Moisés, o véu está posto sobre o coração deles.

16 Quando, porém, algum deles se converte ao Senhor, o véu lhe é retirado.

17 Ora, o Senhor é o Espírito; e, onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade.

18 E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito.

Note o resumo:

Antiga Aliança
Nova Aliança
Escrita com tinta
Escrita pelo Espírito Santo
Escrita sobre pedras
Escrita nos corações
Antiga Aliança da letra que mata
Nova Aliança do Espírito que vivifica
Ministério da morte
Ministério do Espírito
Glória desvanecente
Glória Maior
Ministério da condenação
Ministério da justiça
Algo que já não resplandece
Glória atual sobreexcelente
Algo que se desvanecia
Algo que é permanente
Moisés com o rosto coberto
Todos nós com o rosto descoberto

Aqui Akiva não mente, mas acusa falsamente muitos pregadores que têm falado a verdade acerca da abolição da Lei do Antigo Testamento

5. Akiva diz que o livro do Levítico não deve ser desprezado em nossas leituras. Isso é verdade e ele está 100% certo.

6. Mas como acontece com todo falso pregador a verdade vem sempre misturada com a mentira, e isso, é o que acontece em seguida:

A. Akiva afirma que o Livro do Levítico é o livro mais citado no Novo Testamento. Mentira. Os livros do Antigo Testamento mais citados no Novo testamento são, pela ordem, os seguintes: 1) Salmos; 2) Isaías; 3) Deuteronômio; 4) Êxodo; 5) Gênesis; 6) Levítico, etc. Dificilmente alguém, mesmo com muita boa vontade, poderia aceitar tal afirmação mentirosa.

B. Akiva afirma que existem mais de 180 citações do livro do Levítico no Novo Testamento. Mentira. Os livros do Antigo Testamento, por quantidade de citações, são: 1) Salmos com 69 citações; 2) Isaías com 51 citações; 3) Deuteronômio com 32 citações; 4) Êxodo com 31 citações; 5) Gênesis com 24 citações; 6) Levítico com 12 citações, algo que não chega a representar nem 10% das alegadas, mais de 180 citações, como falsamente ensinou Akiva.

C. Akiva afirma que o Levítico é o livro mais citado por Jesus, com cerca de 70 citações. Mentira. Os livros do AT mais citados por Jesus, nos quatro Evangelhos, são, pela ordem: 1) Salmos citado 21 vezes; 2) Isaías citado 20 vezes; 3) Êxodo e Deuteronômio são citados 15 vezes cada; 4) Levítico é citado apenas 6 vezes, ou nada que se aproxime da falsa afirmação que Jesus citou Levítico mais de 70 vezes.

7. Por fim Akiva usa uma expressão que ele aprendeu que causa boa impressão em seus ouvintes, pois a mesma é repetida em várias mensagens, alegando que os mandamentos da lei de Deus são 613 e que correspondem, exatamente, aos ossos e aos nervos do corpo humano. Em outras ocasiões ele afirma que os 613 mandamentos correspondem aos ossos do corpo humano, e em oura ainda, ele diz que os 613 mandamentos correspondem aos ossos, juntas e músculos. Todas essas afirmações são mentirosas porque a soma não bate nunca:

A. O corpo humano adulto tem 206 ossos.

B. Nossos nervos – não confundir com as terminações nervosas na casa dos milhares — são 31 pares espinhais e 12 pares cranianos = 43 no total.

C. Os músculos do corpo humano são mais que 650. Só aí já ultrapassamos o número de 613.

Agora vejam, quando exponho essas mentiras, muitos em vez de admitirem que Akiva está errado, que precisa consertar seu erro e não propagá-lo, que precisa pedir perdão pelo seu mau preparo para pregar a palavra de Deus e por MENTIR e etc., preferem, em vez disso, me acusar de legalista, de falta de sensibilidade poética e outras bobagens mais. É mentira, mentira, mentira e ponto final. O mesmo é verdadeiro com respeito às afirmações de Akiva acerca da importância do livro do Levítico no Novo Testamento. Tudo não passa de grossas e insidiosas mentiras.

Espero que essa breve análise ajude a revelar um pouco mais com quem estamos lidando quando ouvimos esse homem “pregar” a Palavra de Deus.

Que Deus abençoe a todos

Alexandros Meimaridis

PS. Pedimos a todos os nossos leitores que puderem que “curtam” nossa página no Facebook através do seguinte link:


Desde já agradecemos a todos.

17 comentários:

  1. Qual pregador famoso (tipo Marco Feliciano, Abílio Santana, etc.) Você concorda com a mensagem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Silas,

      Em linhas gerais não concordo com nenhum deles. Não conhecem teologia, não entendem nada de Bíblia, falam muitas bobagens. Nunca me interessei pelo Abílio Santana, mas acerca do Marco Feliciano tenho escrito algumas coisas mostrando seus erros. Não é nada pessoal, mas sim contra o que ele e esses outros ensinam.

      Obrigado por me escrever.

      Abraço,

      irmão Alex

      Excluir
    2. amigo, me desculpa, mas talvez esteja brotando uma raiz de inveja no seu coração, para de ficar procurando erros naqueles que estão acima de você. Deus exalta uns a abate outros.

      Excluir
    3. Ketlen,

      Por favor não pretenda algo que não é verdadeiro. Não somos amigos. Aliás nem nos conhecemos.

      Jamais eu teria inveja de um indivíduo que completou apenas o primeiro grau, que fala muito mal o português, que não entende nada de Bíblia, que tem uma vida moral duvidosa e que tem um bando de idiotas como fervorosos adoradores.

      Abraço,

      Alexandros Meimaridis.

      Excluir
    4. Concordo piamente com vc meu irmão ALEX,esses caras são uma piada gospel,e o pior é vê um monte de pastores no púlpito la nos Gideões e não fazem nada,essa babaquice tem que acabar,publique mais amigo.

      Excluir
  2. Qual pregador famoso (tipo Marco Feliciano, Abílio Santana, etc.) Você concorda com a mensagem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Silas,

      Ver resposta acima.

      Abraço,

      irmão Alex

      Excluir
  3. O que você teria a me dizer a respeito dos Pastores Luiz Hermínio e Agenor Duque?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Anônimo,

      Quanto Agenor Duque, basta você digitar o nome dele no campo de busca na página do blogue e você terá uma lista com alguns artigos que escrevemos acerca dele.

      Quanto a Luiz Hermínio, não tenho para lhe dizer porque nunca nos interessamos por ele, ao contrário do que muitos dos nossos críticos imaginam: que nos dedicamos com exclusividade a caçar falso mestre. Nada poderia estar mais longe da verdade.

      Abraço,

      Irmão Alex

      Excluir
  4. "Akiva afirma que o Levítico está cheio de códigos e senhas espirituais".
    Irmão Alex, compreendo algumas exposições suas em relação aos erros que o pregador Yossef Akiva cometeu quanto a teologia e ciência — como número dos mandamentos/ossos, livros mais citados no NT, etc. —.
    Contudo, independente de Akiva, e isolando a citação supracitada do restante do discurso dele, é inegável o fato de que todo o Antigo Testamento está repleto de códigos e enigmas espirituais que só podem ser revelados pelo Espírito Santo a quem lho aprouver.
    Confira, por exemplo, a citação de Paulo em 1 Timóteo 5.18 "a Escritura declara: Não amordaces o boi, quando pisa o trigo.", em alusão a Deuteronômio 25.4: "Não atarás a boca ao boi quando debulha". Observe que Paulo em um discernimento revelador, concedido pelo Santíssimo Espírito, aplica um princípio espiritual "oculto" no AT no contexto coetâneo dele.
    Da mesma forma, inúmeros princípios legais contidos no Antigo Testamento são símbolos de princípios espirituais, que só podem ser conhecidos através de oração e santificação pessoal. Não concorda?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Anônimo,

      Akiva pretende ser um pregador da Palavra de Deus. Mas como isso é possível?

      1. Ele é cearense e seu nome e José Marcelo

      2. Ele alegava ser judeu hassídico convertido, assumindo o nome de Yoseff Akiva. Tudo isso foi deixado de lado depois que tornou-se impossível manter a mentira. Nunca confessou, nunca admitiu que é um mentiroso.

      3. Ele também atende pelo nome de Enzo.

      Portanto, trata-se de um mentiroso. Não dá para aceitarmos que um mentiroso contumaz e um enganador falastrão seja aceito como objeto de revelações especiais.

      Sim existem muitas verdades envolvidas em outras verdades espalhadas por toda a Bíblia, mas sempre que alguma coisa é assim revelada ela está em perfeita harmonia com o que a Bíblia diz e não soa como pura invencionice de alguém mal preparado, como é o caso do Akiva.

      Por favor, veja bem, eu não teria o atrevimento de comparar o apóstolo Paulo com qualquer outro crente seja ele quem for. A comparação, mesmo indireta, ofende o apóstolo dos gentios que era uma homem verdadeiro e que, acima de tudo amava a verdade.

      O discernimento que Deus nos dá para entendermos e aplicarmos certas verdades, como acontece com centenas de casos no Blog, nos obrigam, necessariamente, a não fazer nenhum tipo de afirmação que não esteja em plena concordância com aquilo que já está revelado. Esse não é o caso de Akiva. Mal informado e mal formado por sua leituras místicas judaicas e etc, ele faz as mesmas afirmações absurdas que encontramos na Cabala, no Talmude e etc. Tolice humanas, sem nenhum fundamento na Bíblia. E muitas vezes até mesmo antibíblicas.

      A Bíblia é uma revelação progressiva completa em si mesma. Toda nova revelação precisa se conformar ao que A Bíblia diz. Deus não continua revelando uma palavra que vale para todos os crentes de todas as épocas. Essa revelação encontra-se apenas na Bíblia e na pessoa de Jesus. Agora Deus pode e, de fato, traz revelações pessoais para algum indivíduo, mas essas valem apenas para o próprio. Tudo o que Deus tinha para revelar para todos nós, já está revelado na própria Bíblia.

      Abraço,

      irmão Alex

      Excluir
  5. "Mal informado e mal formado por sua leituras místicas judaicas e etc, ele faz as mesmas afirmações absurdas que encontramos na Cabala, no Talmude e etc. Tolice humanas, sem nenhum fundamento na Bíblia"

    Os 613 mandamentos não são biblicos?

    Cada mandamento não possui nenhum valor ESPIRITUAL?


    O senhor não é muito diferente DELE quando diz tal coisa.

    Todos nos cometemos erros teológicos por um motivo simples, a ciência do homem é incapaz de compreender a infinitude do ETERNO.


    A GEMÁTRIA é um modo de interpretação aceito no judaísmo, quando observamos

    Cada letra em si possui um significado e nenhuma delas esta ali por acaso, cada acróstico tem o seu significado e sua revelação. logico que com uma leitura transliterado nao vamos alcançar esta revelação.


    A BIBLIA, Principalmente o pentateuco contem sim seus codigos.

    nada disso interfere em relação a salvação uma vez que a mesma é proveniente do advento messiânico em jesus. Mas afirmar que não, ou que cada preceito foi anulado na cruz, é quase uma blasfêmia afirmar que o Eterno errou. e Que Jesus foi contra sua palavra anulando a Lei.

    Obs. NUNCA VI O SENHOR "AKIVA" NEGAR A EFICÁCIA DA CRUZ.

    "Pois quem não é contra nós, é por nós" (Marcos 9.40)

    ResponderExcluir
  6. Gostaria de saber qual a intenção do articulista denegrir a imagem do Pastor Yosef Akiva; 1) Se ele é Judeu, ou Cearense, se o nome dele é ENZO, problema é dele! Gostaria de saber se você é algum especialista em Antigo Testamento, principalmente em Levítico, se domina bem o idioma Hebraico, ou Aramaico. Se é um teólogo de renome nacional, ou um Exegeta, sabe deixe o homem pregar a palavra de Deus, se ele está pregando Heresia Deus o Senhor da Historia saberá lhe dar com ele e pronto. Faça a sua parte, percebo que você está querendo holofotes, quer se mostrar sábio, deixe lhe dizer, o verdadeiro sábio é o Senhor dos Exércitos.Fique na Paz de Cristo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Adalberto,

      Seu breve e equivocado comentário merece uma resposta adequada.

      Primeiro nos surpreende o uso da expressão denegrir de classe eminentemente racista. Não temos nenhuma intenção em fazer ficar mais negro o senhor Akiva.

      Quanto às mentiras que ele inventa é necessário que as mesmas sejam expostas pois a pregação do evangelho não é um exercício teatral como ele pretende, mas precisa estar arraigada numa vida honesta, verdadeira e transparente, sem fingimentos de nenhuma espécie.

      Quanto à minha formação, que diferença faz? A questão aqui é: eu estou falando a verdade ou estou mentindo como Akiva? É evidente que você não leu nosso artigo, se tivesse lido não faria tais afirmações.

      Seu julgamento acerca de minha pessoa é algo temerário e tal julgamento foi condenado pelo Senhor Jesus. Você não me conhece, não conhece o trabalho que fazemos e sequer se deu o direito de ler o que escrevemos acerca do falso mestre Akiva.

      Abraço,

      irmão Alex

      Excluir
  7. Eu nao sou culta, tao pouco entendo de detalhes biblicos, mais fiquei surpresa com todas estas verdades sobre pastor Akiva, o que devemos e ter cuidado, e oramos muito pra Deus nos da discernimento contra esse tipo de gente, mentirosa que engana o povo.
    Obrigada irmão Alex

    ResponderExcluir
  8. Eu acho importante o irmão Alex trazer essas informações( lógico sendo de fonte extremamente segura) sobre esses tópicos !! A ideia que eu vejo não é atacar o Pr. Youssef Akiva mas sim combater os falsos ensinamentos e doutrinas cheias de heresias que a cada dia tentam entrar nas igrejas, o próprio Apostolo Paulo combatia esses ensinamentos errados,1Tm 6:3-5 !! O evangelho é lindo de se estudar de aprender e viver ! Que o nosso foco venha ser a cada dia viver o evangelho e olhar para Cristo !! A paz e Abraço.

    ResponderExcluir
  9. Quero parabenizar o irmão Alex pela excelente matéria, não sou especialista em antigo testamento, mas também não sou totalmente leigo, esse cidadão esteve em nossa cidade em uma cruzada e sò falou asneiras, em minha modesta opinião quem muda de nome para dar vida um personagem, dificilmente não é picareta.

    ResponderExcluir